19 de junho de 2017

Infecções podem comprometer fertilidade masculina

Infecções urinárias e doenças sexualmente transmissíveis são causas comuns de infertilidade masculina e em alguns casos podem provocar obstruções ao nível dos epidídimos, canais deferentes e ducto ejaculador__canais que transportam os espermatozoides. A informação é do urologista Gustavo Borges, da equipe do Centro de Reprodução Humana de Piracicaba. “Quanto mais cedo é feito o diagnóstico e o tratamento, menor é a probabilidade de comprometer a fertilidade”, alerta.

Entre os sintomas destas doenças estão dor e ardor ao urinar, dor nos testículos, dor perineal, corrimento, inchaço nos testículos ou na abertura do pênis, sangue na urina e no sêmen, dor e desconforto durante a relação sexual, coceira e irritação na extremidade do pênis, feridas na região íntima, nódulos nos testículos, caroços com dor na virilha e, às vezes, febre.

Quando há sintomas, o médico aconselha o homem a procurar um urologista, que avaliará o caso e fará o diagnóstico e tratamento adequados. “Um bom exame clínico é fundamental e, muitas vezes, suficiente para o diagnóstico correto”, afirma o urologista. Segundo ele, em alguns casos há a necessidade de exames complementares.

No espermograma, por exemplo, é avaliada a presença de leucócitos no sêmen (leucospermia), que pode ser sinal de infecção. Complementa-se a investigação com espermocultura e outros exames laboratoriais quando necessário. Em algumas situações, a ultrassonografia é solicitada, para avaliação de alterações testiculares, epididimárias e prostáticas.

Entre os agentes causadores de infecção genital masculina, Borges cita bactérias, como clamídia, gonococo (causador da gonorreia) e as do gênero micoplasma, e fungos, como candida albicans. “Uma boa avaliação clínica e tratamento correto a tempo diminuem muito a chance de que essas doenças interfiram com a fertilidade do homem”, alerta.

Jornalistas responsáveis: Flávia Paschoal/Marisa Massiarelli Setto – Toda Mídia Comunicação

Gustavo de Mendonça Borges
Gustavo de Mendonça Borges

Gustavo de Mendonça Borges

Urologista | CRM/SP 94.121
  • Formado pela Faculdade de Ciências Médicas Unicamp
  • Pós-graduado em reprodução assistida
  • Membro titular da Sociedade Brasileira de Urologia
Saiba mais