19 de agosto de 2016

Por que planejar a gravidez?

Planejar a gravidez é de fundamental importância para garantir uma gestação tranquila para os pais e para o bebê. A informação é do ginecologista e obstetra José Henrique Mello de Freitas, da equipe do Centro de Reprodução Humana de Piracicaba.

“Nesta fase, o profissional faz uma avaliação da parte imunológica, garantindo acesso a algumas vacinas que a paciente não tenha feito durante a vida”, declara o médico. Também inicia a suplementação vitamínica, que na pré-concepção evita alguns problemas específicos, como aborto e trabalho de parto prematuro.

O ideal, segundo o ginecologista, é que a suplementação vitamínica seja iniciada nos meses anteriores ao início da gestação. “O ácido fólico é prescrito três meses antes de a mulher interromper o método contraceptivo e deve ser mantido até o terceiro mês de gestação”, afirma. O ginecologista relata que o componente atua na proteção contra defeitos do tubo neural no feto, fenda labial/palatina, cardiopatia e síndrome de Down, além de diminuir o risco de abortos. Também pode contribuir na prevenção de diabetes gestacional tardia.

Na mesma época, o ginecologista costuma indicar a ingestão de vitaminas C, D e E. “A vitamina C apresenta ação antioxidante, melhorando a resposta imunológica. Sua deficiência na gestação pode relacionar-se a risco aumentado de aborto, prematuridade e descolamento precoce de placenta. A vitamina E protege os tecidos do corpo, atuando beneficamente em pacientes com dificuldade reprodutiva. A vitamina D tem importância para o sistema imunológico, crescimento ósseo, atuando na absorção do cálcio”, explica Freitas.

O ginecologista destaca a importância de que a mulher esteja em dia com os exames ginecológicos de rotina (mamografia e Papanicolau) e procedimentos odontológicos, já que há maior predisposição à gengivite durante a gravidez.

Jornalistas responsáveis: Flávia Paschoal/Marisa Massiarelli Setto – Toda Mídia Comunicação

 


DR. JOSÉ HENRIQUE MELLO DE FREITAS

Ginecologista e Obstetra | CRM 64.230

• Formado pela Faculdade de Medicina de Botucatu da Unesp
• Especialista em ginecologia e obstetrícia, videolaparoscopia e videohisteroscopia
• Pós-graduado em reprodução humana assistida pela Associação Instituto Sapientiae