19 de novembro de 2015

Como funciona o congelamento de sêmen?

1 – O paciente passa por consulta com médicos (urologista/oncologista).

2 – As amostras de sêmen são obtidas em locais reservados para a coleta, no próprio laboratório.

3- Depois de o material ser analisado, os frascos para congelamento são identificados, etiquetados e datados.

4- Uma solução de criopreservação é adicionada à amostra para a proteção dos espermatozoides e o processo de congelamento começa imediatamente. A amostra passa por várias etapas de resfriamento até ser mergulhada em nitrogênio líquido (-196°C), onde ficará armazenada permanentemente.

5 – O sêmen pode ser armazenado nesta temperatura por muitos anos e utilizado quando o casal decidir ter filhos.

6- Quanto maior o número de amostras criopreservadas, maiores serão as chances de sucesso em tratamentos de reprodução assistida futuros. Após o descongelamento, pode acontecer perda na viabilidade de até 50% dos espermatozoides.
Fonte: Gustavo Borges, urologista do Centro de Reprodução Humana de Piracicaba


DR. GUSTAVO DE MENDONÇA BORGES

Urologista | CRM/SP 94.121

• Formado pela Faculdade de Ciências Médicas Unicamp
• Pós-graduado em reprodução assistida
• Membro titular da Sociedade Brasileira de Urologia